Burj Khalifa, O Maior Arranha-céu Já Construído Pelo Homem – Dubai, Modelo 3D

Burj Khalifa, O Maior Arranha-céu Já Construído Pelo Homem – Dubai, Modelo 3D

O Burj Khalifa Bin Zayid, anteriormente conhecido como Burj Dubai, é um arranha-céu localizado em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, sendo a maior estrutura e, consequentemente, o maior arranha-céu já construído pelo homem, com 828 metros de altura. Sua construção começou em 21 de Setembro de 2004 e foi inaugurado no dia 4 de janeiro de 2010. Foi rebatizada devido ao empréstimo feito por Khalifa bin Zayed Al Nahyan, xeique do emirado de Abu Dhabi, depois que este emprestou US$ 10 bilhões para evitar que Dubai desse um calote em investidores de uma de suas principais companhias, a Dubai World.

O edifício faz parte de uma área de 2 km² em desenvolvimento, chamada “Downtown Burj Dubai”, localizado no “First Interchange”, ao lado das duas principais avenidas da cidade, a Sheikh Zayed Road e a Financial Centre Road (anteriormente conhecida como Doha Street). O arquiteto do edifício é Adrian Smith, que trabalhou com a Skidmore, Owings and Merrill (SOM) até 2006. A empresa de arquitetura e engenharia sediada na cidade de Chicago ficou encarregada do projeto. As primeiras empreiteiras são a Samsung Engineering & Construction, a Besix e a Arabtec. A Turner Construction Company foi escolhida para comandar o projeto.

O orçamento total do projeto do Burj Khalifa girou em torno de 1,5 bilhão de dólares e para toda a nova “Downtown Dubai”, 3 bilhões de dólares. Mohamed Ali Alabbar, o presidente da Emaar Propertiers falou no 8º Congresso Mundial do Council on Tall Buildings and Urban Habitat, que o preço do metro quadrado de sala de escritório é de US$ 43 000 dólares, e a Armani Residences, imobiliária encarregada das vendas dos apartamentos, comercializava o metro quadrado das salas por 37 500 dólares.

No dia 17 de janeiro de 2009 o Burj Dubai alcançou sua altura final de 828 metros acima do nível do solo e 844 metros acima do nível do mar (é a soma dos seus 828 metros mais 16 metros de altitude da própria cidade). O Burj Khalifa possui um posto de observação a 442 metros de altura.

Com o aço que foi preciso para construir o Burj Khalifa, daria para construir uma estrada percorrendo 1/4 da circunferência terrestre (dos Estados Unidos ao Oriente Médio).

A quantidade de energia elétrica usada no Burj Khalifa é equivalente ao gasto de 500 000 lâmpadas de 100 watts ao mesmo tempo.

O Burj Khalifa necessita de 1 000 000 litros de água por dia.

Visto de cima, o Burj Khalifa forma uma flor-de-lótus, sagrada no Oriente.

A partir do topo do edifício, é possível se avistar até mesmo países vizinhos aos Emirados Árabes Unidos, tais como o Irã e o Omã.

Via




Não há comentários

Adicione o seu