Cung Le derrota Rich Franklin, Thiago Silva vence e Paulo Thiago perde no UFC Macao

Cung Le derrota Rich Franklin, Thiago Silva vence e Paulo Thiago perde no UFC Macao

O clima matinal, com chuva fraca na maior parte do Brasil, foi o cenário perfeito para o início da primeira edição do UFC na China, realizada neste sábado (10). Com todo o card preliminar e grande parte do principal decidido apenas pelos juízes laterais, o show guardou o seu melhor para as duas principais atrações da noite.

Cung Le anota um nocautaço sobre Rich Franklin

O main event do UFC China reuniu dois ex-campeões dos médios, um do UFC e outro do Strikeforce. E foi o ex-campeão do evento que está com os dias contado que se deu melhor.

Cung Le acertou um cruzado de esquerda no contra-golpe, ainda no primeiro round, e Rich Franklin caiu já nocauteado. Nada melhor do que um nocautaço para salvar o card.

Finalização rende a primeira vitória em três anos a Thiago Silva

A máxima “só o Jiu-Jitsu salva” entrou em ação no co-main event do UFC China. Thiago Silva espantou a má fase e voltou a vencer após amargar três anos sem resultados positivos no Ultimate.

Mas não foi fácil.

Stanislav Nedkov, algoz de Luiz Banha no primeiro UFC Rio, estava em vantagem até o último round. Na segunda etapa, inclusive, ele encaixou um swingão no brasileiro, que caiu em knockdown. Porém, no terceiro assalto, Thiago Silva voltou bem e balançou o gringo. Sentindo o bom momento, o paulista apostou na queda, e logo montou.

Foi de lá que ele ajustou o katagatame e apertou firme, obrigado o árbitro central do combate a intervir.

Paulo Thiago sucumbe e amarga segundo revés seguido

A vida do “Caveira” no octógono do UFC China não foi fácil. Contra o duro Dong Hyun Kim, o policial do Bope não conseguiu se encontrar na luta e foi amplamente dominado.

Do primeiro até o último minuto da luta, o sul-coreano deu as cartas, impondo o ritmo da luta com suas quedas. No chão, nem o Jiu-Jitsu brasileiro salvou, e Kim trabalhou bem seu ground and pound para pontuar e vencer por unanimidade na visão dos juízes laterais.

É a quarta derrota nas últimas cinco lutas para o brasileiro, que pode ser demitido pela organização.

Takanori Gomi, Jon Tuck e Mizugaki completam triunfos mornos

As três primeiras lutas do card principal do show deixaram a desejar. Tendo lampejos de boas lutas, os combates pouco animaram os fãs chineses, assim como todos os outros fãs.

Ex-campeão peso leve do saudoso Pride, Takanori Gomi anotou sua segunda vitória seguida ao bater Mac Danzig, vencedor da sexta temporada do TUF.

Jon Tuck se apresentou bem, mostrou desenvoltura no solo, e levou a melhor sobre Tiequan Zhang, único atleta chinês no card. Já o japonês Takeya Mizugaki voltou a vencer no Ultimate diante do norte-americano Jeff Hougland.

Via




Não há comentários

Adicione o seu