Jon Jones segue campeão do UFC (Divulgação: UFC)

Jon Jones segue campeão do UFC

[social_share/]

Jon Jones segue campeão do UFC

Poucos viam chance de Vitor Belfort vencer Jon Jones na luta principal do UFC 152, na noite deste sábado, pelo cinturão dos meio-pesados. E o brasileiro realmente não venceu, sendo finalizado no quarto round. Mas a atuação da lenda brasileira surpreendeu até mesmo o campeão.

Jones, como previsto, buscou as quedas de início para evitar a perigosa trocação do carioca. Assim que chegou ao chão, no entanto, não foi um trabalho simples usar as afiadas cotoveladas. Bastou piscar para que Vitor, faixa-preta formado por Carlson Gracie, atacasse no arm-lock.

Belfort esticou o braço do número um, parecia que não tinha escapatória, mas Jon encontrou forças para tirar o rival do chão e conseguiu se livrar. A partir daí, o gringo atuou com mais inteligência no solo, desferindo cotoveladas a todo momento.

Na luta em pé, o domínio do norte-americano era mais claro. Sem muita firula, como de costume, Jones se limitou a desferir pisões no joelho do brasileiro, minando sua movimentação. Um chute rodado na costela levou Vitor a knockdown, e ele chegou a puxar para a guarda em duas oportunidades.

Cansado e com o rosto marcado pelas cotoveladas, Belfort foi presa fácil no início do quarto round. Após chegar à posição de crucifixo, Jones desferiu duras cotoveladas e encaixou a americana, conseguindo os três tapinhas. A vitória ainda rendeu o bônus de finalização da noite ao campeão, embolsando mais 65 mil dólares.

“Eu pensei que ia quebrar, nunca senti nada assim”, disse o campeão, sobre a chave-de-braço do desafiante. “Senti que tinha deslocado o braço, mas ele é durão”, elogiou Vitor.

Aplaudido ao final da peleja, Belfort não poupou elogios ao número um. “Por isso que ele é o campeão. Achei que ia ganhar hoje, mas ele lutou melhor e venceu”.

Via TATAME

[social_share/]




Não há comentários

Adicione o seu