UFC 136: Edgar vs. Maynard III

UFC 136: Edgar vs. Maynard III

[social_share/]

UFC 136: Edgar vs. Maynard III

O experiente Kenny Florian, que já lutou em quatro categorias no UFC, prometia quebrar sua “zica” e se tornar campeão contra o brasileiro José Aldo no UFC 136, que aconteceu neste sábado no Texas, Estados Unidos, mas seu estilo estrategista parou na inteligência de José Aldo e sua equipe, representada no Texas por André Pederneiras, Vitor Shaolin e Marlon Sandro.

Em cinco rounds duros, Aldo fez o que pode para parar as quedas e dominar a luta em pé, com low kicks e diretos. No fim, vitória – e título – na decisão unânime dos jurados. “Foi como eu esperava… Ele é um ótimo lutador, e ele lutou no meu erro. Me desculpa, na próxima eu virei melhor”, disse o humilde campeão. “Sabia que ele ia me botar na grade, mas me defendo muito bem. Ele queria me botar pra baixo nos meus chutes e diretos”. Triste, Florian comentou a derrota: “não consegui executar (a minha estratégia) e não consegui as quedas. Aldo tem uma grande movimentação”, disse.

Veja a conferência de imprensa que antecedeu o evento

Confira a pesagem do UFC 136: Edgar vs. Maynard III

Conferência de imprensa realizada após o término do UFC 136: Edgar vs. Maynard III

Edgar leva uma surra e faz história no UFC

Janeiro de 2011, UFC 125. Frankie Edgar, campeão do UFC, colocou seu título em jogo contra seu único algoz, Gray Maynad, e levou uma surra no primeiro round. Surpreendentemente, voltou com tudo e lutou com raça até o último segundo, arrancando um empate. Na terceira e derradeira luta, Edgar novamente levou um sacode no round inicial e, quando voltou elétrico na etapa seguinte, os fãs se perguntaram: “de novo?”. Desta vez, não. Impecável, Edgar tomou conta da peleja e, após dominar os rounds 2 e 3, igualando o placar, conectou uma bela sequência de três uppers e um cruzado, nocauteando Maynard para faturar, de quebra, o bônus de melhor nocaute da noite. O campeão mais raçudo da atualidade segue no topo do UFC, e avisa: “o cinturão voltou para casa”.

Demian usa estratégia e bate Santiago por pontos

O faixa-preta Demian Maia se recuperou da derrota para Mark Muñoz com um triunfo sobre o compatriota Jorge Santiago, no Texas. A luta começou quente, com ambos os atletas atacando bem em pé, mas foi Demian quem conectou os melhores golpes na trocação. Com boas quedas, o paulista pontuou bem nos dois últimos rounds e não teve trabalho para vencer na decisão, dando a Santiago sua quarta derrota em cinco lutas que disputou no UFC. Demian recupera o fôlego no UFC, enquanto Jorge pode dar adeus à organização.

“Eu estava nervoso, senti a pressão por conta da minha última derrota no UFC. Na minha luta com o Mark Muñoz eu achei que estava vencendo por pontos em dois dos rounds e ainda perdi, então queria ser decisivo. Estou orgulhoso da minha vitória porque o Jorge era um campeão no Japão“, disse Demian. Chateado, Santiago lamentou a derrota, sua segunda consecutiva no Ultimate: “não executei minha estratégia. Na próxima vez, o manteria em pé o máximo possível”.

Sonnen atropela e dispara contra Anderson

Anderson Silva, você é um m… Fim de semana do Super Bowl: se eu vencer, você deixa a categoria; se você vencer, eu deixo o UFC“. A declaração de Chael Sonnen, que levantou o público e arrancou risadas de Anderson Silva, foi a primeira coisa que aconteceu após o falastrão, único a ameaçar o título de Silva, literalmente atropelar Brian Stann. Com uma performance impecável, Sonnen colocou para baixo, castigou e, como se quisesse enviar uma mensagem aos críticos, mostrou que sabe Jiu-Jitsu ao finalizar com um kata-gatame. E aí, Dana White: Anderson x Sonnen 2 em 2012?

RESULTADOS COMPLETOS:

UFC 136

Texas, Estados Unidos

Sábado, 8 de outubro de 2011

Card principal:

- Frankie Edgar derrotou Gray Maynard por nocaute técnico a 3min53s do 4R;

José Aldo derrotou Kenny Florian na decisão unânime dos juízes;

- Chael Sonnen finalizou Brian Stann com um kata-gatame a 3min51s do 2R;

- Nam Phan derrotou Leonard Garcia na decisão unânime dos juízes;

- Joe Lauzon finalizou Melvin Guillard com um mata-leão a 47s do 1R;

Card preliminar:

Demian Maia derrotou Jorge Santiago na decisão unânime dos juízes;

- Anthony Pettis derrotou Jeremy Stephens na decisão dividida dos juízes;

- Stipe Miocic derrotou Joey Beltran na decisão unânime dos juízes;

- Darren Elkins derrotou Tiequan Zhang na decisão unânime dos juízes .

- Aaron Simpson derrotou Eric Schafer na decisão unânime dos juízes;

- Mike Massenzio derrotou Steve Cantwell na decisão unânime dos juízes;

Por Guilherme Cruz, via TATAME

[social_share/]




Não há comentários

Adicione o seu