UFC 141 Lesnar vs. Overeem; Brock Lesnar anuncia Aposentadoria

UFC 141 Lesnar vs. Overeem; Brock Lesnar anuncia Aposentadoria

[social_share/]

UFC 141 Lesnar vs. Overeem; Brock Lesnar anuncia Aposentadoria

A última edição do UFC de 2011 fechou com chave de ouro um ano em que a organização americana fechou contrato milionário com a FOX, Rede Globo e fixou o Brasil definitivamente em seu calendário. Ex-campeão do Strikeforce, Dream e K-1, Alistair Overeem estreou no UFC 141 aplicando uma surra no ex-campeão da categoria, que anunciou sua aposentadoria. Já Nate Diaz, dominou Ronald Cerrone, enquanto Diego Nunes superou Manny Gamburyan na decisão. Os outros brasileiros presentes no card foram: Luis Beição, que teve sua luta cancelada em cima da hora, e, Junior Assunção, que lutou bem, mas acabou superado por Ross Pearson. Confira abaixo como se desenrolaram os combates do UFC 141.

Alistair Overeem prometeu que nocautearia Brock Lesnar no segundo round, mas o fez ainda na primeira parcial. Bem mais ágil que seu adversário, o holandês se defendeu bem das tentativas de queda e abriu caminho para o nocaute com duras joelhadas na costela de Lesnar. Com a região já magoada, Overeem desferiu um chute derradeiro, que levou Brock a knockdown. Na grade, Lesnar ficou sentado, inerte, vendo Alistair lhe aplicar uma surra até a interrupção do árbitro aos 2min e 26s de luta. Após o término da peleja, Lesnar, ex-campeão do UFC, anunciou sua aposentadoria enquanto, Overeem, próximo desafiante ao título, convocou o campeão. “Cigano, você é o próximo”, disse no octógono.

Confira a conferência de imprensa com a presença de Brock Lesnar e Alistair Overeem no vídeo abaixo:

Veja a conferência oficial do UFC 141 Lesnar vs. Overeem, que contou com a presença dos lutadores do card principal.

Assista a pesagem oficial do evento que acontece no MGM Grand Garden Arena em Las vegas

Conferência realizada após o término do UFC 141 Lesnar vs. Overeem:

Nate Diaz dá aula de Boxe em Donald Cerrone

A penúltima luta do noite, entre os pesos leves Donald Cerrone e Nate Diaz, correspondeu a toda expectativa gerada pelos lutadores, que se estranharam na pesagem do evento. Dentro do octógono, o que se viu foi uma aula de Boxe de Nate Diaz em cima do Cowboy. Com o mesmo estilo de seu irmão, Nick, Nate bombardeou a cara de Cerrone com jabs e diretos durante os três rounds. Cerrone parecia assustado e não deu continuidade as mais de dez que aplicou em Diaz, temendo o Jiu-Jitsu do faixa-preta de Cesar Gracie. Pode-se considerar a melhor luta da carreira de Nate Diaz, que parou uma sequência de seis vitórias de Cerrone.

Johny Hendricks atropela Fitch em 12 segundos!

Considerado o número dois da categoria, somente atrás do campeão da categoria, Georges St Pierre, Jon Fitch já não vai mais se sentir tão confortável nessa posição. Johny Hendricks precisou de apenas 12 segundos para conectar um cruzado no queixo de Fitch, que já caiu nocauteado, mas ainda levou uma no queixo, antes da interrupção do árbitro. O recorde de nocaute mais rápido do UFC permanece inalterado, já que Duane Ludwing precisou de apenas 6s06 para despachar Jonathan Goulet.

Alexander Gustafsson nocauteia Wladimir Matyushenko

A segunda luta do card principal do UFC 141 trouxe o que estava faltando até então no evento: um nocaute. Aproveitando-se de sua maior envergadura, Alexander Gustafsson não deixou o veterano Wladimir Matyushenko encurtar a distância e, em um jab de encontro, mandou o russo para a lona, terminando o serviço com mais alguns socos no chão, até o árbitro interromper, aos 2min e 13s da etapa inicial.

Jimy Hettes dá um passeio em um apático Nam Phan

Poderia ser definido como um monólogo o combate entre os pesos pena, Jimy Hettes e Nam Phan. O americano já começou em ritmo acelerado quedando facilmente o sul coreano, que foi arrepiado no chão. O juiz quase interveio em duas ocasiões em que Phan não esboçava reação. O round terminou com o americano montado massacrando o sul coreano, que foi salvo pelo gongo. Nas etapas seguintes, Hettes cansou de bater em Phan, mas seguiu fazendo o que queria com o asiático em uma espécie de treino de luxo. O detalhe é que Nam Phan é faixa-preta de Jiu-Jitsu e o americano, que lhe dominou completamente no solo, é roxa. Decisão unânime a favor de Hettes, que segue invicto em dez combates.

Junior Assunção luta bem, mas é derrotado por Pearson

Na última peleja do card preliminar, o brasileiro Junior Assunção e o inglês Ross Pearson travaram um duro e equilibrado combate que poderia ter sido decidido a favor de qualquer um dos atletas. Mas infelizmente não foi para o brasileiro. Mesmo diante de uma bela exibição, com bastante ginga e raça, o brasileiro acabou sucumbindo diante do Boxe de Pearson, que levou na decisão.

Adversário de Beição fica doente e luta é cancelada

Vindo de derrota para Erick Silva em sua estreia no UFC Rio, Luis Beição estava escalado para fazer a segunda luta do card preliminar do UFC 141. Mas infelizmente não foi dessa vez que o brasileiro teve a oportunidade de mostrar o seu valor, já que segundo o UFC divulgou pelo Twitter, seu adversário Matt Riddle, não teve condições de subir no octógono por conta de uma forte gripe. Se Beição ficará privado de lutar no UFC 141, pelo menos a baixa de seu oponente não irá afetar o seu bolso, já que o brasileiro irá receber sua bolsa normalmente.

Diego Nunes supera Gamburyan na decisão

Atleta da Nova União, Diego Nunes abriu o card preliminar contra Manny Gamburyan, numa peleja extremamente equilibrada. Enquanto o armênio tentava aplicar as quedas na busca do ground and pound, Diego se defendia bem e, nas poucas vezes em que foi quedado, levantou-se escorando na grade. Os dois atletas não mostraram muita eficácia e contundência nos golpes, mas o brasileiro acabou levando a melhor na decisão dos juízes, talvez pelos seus perigosos chutes altos e rodados. Nunes agora conta com duas vitórias em três lutas no UFC.

No segundo combate da noite, Jacob Volkman dominou Efrain Escudero durante os três rounds, mas lhe faltou Jiu-Jitsu para finalizar o combate. Apenas no final do último round é que a luta pegou fogo quando Escudero reagiu e aplicou um justo estrangulamento da posição norte sul em Volkman, que escapou por pouco. É a quinta vitória consecutiva de Jacob no UFC, todas elas conquistadas na decisão dos juízes.

O sul coreano Dong Hyun Kim mostrou um bom arsenal de chutes e quase nocauteou Sean Pierson no melhor estilo “Karate Kid” de Lyoto Machida, no segundo round, mas a luta foi decidida mesmo na decisão unânime a favor do asiático.

Resultados completos do UFC 141 Lesnar vs. Overeem:

Card Principal:

- Alistair Overeem nocauteou Brock Lesnar aos 2min26s do R1;

- Nate Diaz derrotou Donald Cerrone na decisão unânime dos juizes;

- Johny Hendricks nocauteou Jon Fitch aos 12s do 1R;

- Alexander Gustafsson nocauteou Vladimir Matyushenko aos 2min13s do R1;

- Jimy Hettes derrotou Nam Phan na decisão unânime dos juízes;

Card Preliminar:

- Ross Pearson derrotou Júnior Assunção na decisão unânime dos juízes;

- Danny Castillo derrotou Anthony Njokuani na decisão dividida dos juízes;

- Dong Hyun Kim derrotou Sean Pierson na decisão unânime dos juízes;

- Jacob Volkmann derrotou Efrain Escudero na decisão unânime dos juízes;

- Luis “Beição” Ramos e Matt Riddle não lutaram;

Diego Nunes derrotou Manny Gamburyan na decisão unânime dos juízes.

Por Erik Engelhart, via TATAME

[social_share/]




Não há comentários

Adicione o seu