10 mais Extremas e Mortais Jornadas para Chegar à Escola

10 mais Extremas e Mortais Jornadas para Chegar à Escola

Não é novidade pra ninguém que vários países têm dificuldades na área de educação. Mas se não bastasse à falta de qualidade no ensino, ainda há problemas sérios na parte de infraestrutura e transporte dos alunos. Aqui está uma lista com dez das mais extremas e mortais jornadas para chegar à escola.

10. Jornada de 5 horas pela montanha

Jornada de 5 horas pela montanha

Jornada de 5 horas pela montanha

Leia Também:

Incríveis Campanhas Publicitárias de Rua

10 Esportes Radicais de Férias na Europa

Montanhas mais Altas do Mundo

Crianças Durante a Guerra

☞ Grandes Tragédias Capturadas em Filme

Uma viagem, difícil e perigosa, com duração de 5 horas realizada a pé pelas montanhas até a, provavelmente, escola mais remota do mundo, em Gulu, China.

De acordo com a UNESCO, houve uma melhora (não há motivos para comemorar, pois os dados ainda são desanimadores) na parte de transporte e locomoção das crianças até as escolas nos últimos cinco anos. Áreas que não têm rotas escolares adequadas, muitas vezes podem inundar, tornando ainda mais difícil para as crianças que vivem em comunidades. Caminhos perigosos são uma das principais razões pelas quais muitas crianças decidem abandonar a escola.


9. Escola em Bizhie

Escola em Bizhie

Escola em Bizhie

As crianças andam ao longo de uma estrada estreita na montanha para chegar à escola em Bizhie, na província de Guizhou, no sudoeste da China.


8. Escola primária Bango

Escola primária Bango

Escola primária Bango

A escola primária Bango está localizada no meio da montanha, e todos os dias os alunos da aldeia Genguan precisam subir pelo caminho estreito e sinuoso esculpido na montanha. O caminho corta toda a montanha. Em alguns lugares, a sua largura é inferior a 0,5 metros. Segundo a diretora Xu Liangfan, na escola há 49 crianças.


7. Escola na aldeia Zhang Jiawan, sul da China

Escola na aldeia Zhang Jiawan, sul da China

Escola na aldeia Zhang Jiawan, sul da China

Os pais ansiosos que moram na aldeia Zhang Jiawan não tem outra escolha se não a de deixar os corajosos filhos escalarem as escadas perigosas para poderem ter acesso à educação. A escola fica localizada na parte debaixo do vale.


6. Escola no Himalaia

Escola no Himalaia

Escola no Himalaia

Crianças viajam para um internato escolar através das montanhas indianas do Himalaia, em Zanskar.


5. Fazendo uma travessia perigosa

Fazendo uma travessia perigosa

Fazendo uma travessia perigosa

Alunos atravessam uma ponte suspensa danificada, em Lebak, Indonésia. Após esta triste realidade ter se espalhado pelo mundo, a maior produtora de aço da Indonésia, a PT Krakatau Steel, construiu uma nova ponte, de modo que as crianças pudessem atravessar o rio com segurança.


4. Crianças voando 800 metros sobre aço

Crianças voando 800 metros sobre aço

Crianças voando 800 metros sobre aço

Crianças percorrem 800 metros através de um cabo de aço instalado sobre o Rio Negro, na Colômbia.


3. Alunos andando sobre a corda bamba

Alunos andando sobre a corda bamba

Alunos andando sobre a corda bamba

Alunos andam em uma corda bamba (pois só resta pedaços da ponte) colocada sobre um rio, a 12 metros de altura, em Padang, na ilha de Sumatra, Indonésia.


2. Escola primária na província de Rizal

Escola primária na província de Rizal

Escola primária na província de Rizal

Alunos da escola primária atravessam um rio com a ajuda de uma câmera de pneu inflada, na província de Rizal, Filipinas.


1. Estudantes atravessando o rio

Estudantes atravessando o rio

Estudantes atravessando o rio

Estudantes tem a perigosa tarefa de atravessar diariamente o Rio Ciherang com a ajuda de uma jangada de bambu improvisada, na vila de Cilangkap, Indonésia.




Não há comentários

Adicione o seu