5 Maneiras de Reduzir Drasticamente o Risco de AVC

5 Maneiras de Reduzir Drasticamente o Risco de AVC

À medida que envelhecemos, o risco de AVC aumenta e torna-se uma ameaça séria. Mas não entre em pânico! Você pode tomar algumas medidas para reduzir drasticamente o risco de AVC. Controlar o que você come e ser fisicamente ativo estão no topo da lista. A adoção dessas medidas também ajudará você a se sentir mais saudável. Na maioria das vezes, quem vive um estilo de vida mais saudável tem menos necessidade de recorrer a tratamento médico. Dê o seu melhor, empenhe-se para fazer escolhas saudáveis. Não deixe que um AVC derrube você. Abaixo estão alguns pontos importantes que devem ser lembrados e levados em consideração quando o assunto é reduzir os riscos de sofrer um acidente vascular cerebral.

5. Coma alimentos saudáveis

Coma alimentos saudáveis

Coma alimentos saudáveis

Leia Também:

5 Coisas que Você Precisa Saber sobre o Seu Coração

5 Ótimas Razões para Parar de Comer Cachorro Quente

Top 5 Sinais e Sintomas de um Ataque Cardíaco

Alimentos que Realmente Fazem Você Engordar

5 Fatos Interessantes Sobre a Gravidez

Mudar sua dieta trará recompensas saudáveis e uma melhora na sua qualidade de vida. Reduzir o consumo de gordura saturada e colesterol ajuda a diminuir os níveis de colesterol no sangue. Procure adotar as sugestões a seguir no seu dia a dia (ou pelo menos algumas delas):

  • Coma pelo menos quatro porções diárias de frutas e legumes;
  • Mude para lanches com baixa quantidade de calorias e baixo teor de gordura;
  • Use óleos de cártamo, canola ou oliva em vez de gordura ou óleos tradicionais;
  • Procure comer sua comida sem sal;
  • Ao escolher uma carne, procure optar por peixes, frango sem pele e carnes vermelhas magras. Não frite, faça assado ou grelhado.


4. Mantenha um peso adequado

Mantenha um peso adequado

Mantenha um peso adequado

Você conhece o seu IMC? Você pesa mais do que deveria? Se você acredita que sim, saiba que seu corpo pode estar transformando o excesso de gordura e colesterol em placa. O fluxo de sangue para o cérebro pode ser reduzido pela quantidade de placas nos seus vasos sanguíneos. O excesso de peso também pode tornar o trabalho do seu coração mais difícil, aumentando a sua pressão arterial. Ao perder peso, você melhora a sua saúde e ajuda a reduzir os fatores de risco.


3. Diminua o consumo de álcool

Diminua o consumo de álcool

Diminua o consumo de álcool

Se você é homem, não consuma mais de dois copos de bebidas alcoólicas por dia, ou um copo, no caso, se você é mulher. O excesso de álcool pode aumentar o nível de colesterol do sangue. Beber muito também aumenta a pressão arterial e acrescenta calorias à sua dieta.

- Pressão arterial

A pressão arterial elevada é o principal fator de risco para um acidente vascular cerebral. Se você tem pressão alta, siga a recomendação do seu médico para mudanças de estilo de vida e utilização de medicamentos. Pessoas com a pressão ligeiramente elevada podem reduzi-la, na maioria das vezes, simplesmente alterando a forma como vivem, fazendo melhorias na alimentação e aumentando a atividade física. Faça uso de medicamentos, se necessário, APENAS com a devida prescrição médica.


2. Tabagismo

Tabagismo

Tabagismo

Se você fuma, pare! O tabagismo é um fator de risco evitável para um AVC. O monóxido de carbono e a nicotina na fumaça do cigarro prejudicam o sistema cardiovascular. Essas substâncias diminuem a amplitude dos vasos sanguíneos, causando a coagulação do sangue. Parar de fumar é difícil, mas vale a pena.


1. Aspirina

Aspirina

Aspirina

Está provado em diversos estudos que a aspirina, assim como outros tipos de medicamentos antiplaquetários, ajuda as pessoas com risco elevado de sofrerem um acidente vascular cerebral a impedir um ataque. Ao interferir na capacidade do sangue de coagular, a aspirina pode desempenhar um papel importante na prevenção. Os médicos recomendam o uso de aspirina para pessoas que já sofreram um AVC. Mas lembre-se! NINGUÉM deve começar a tomar qualquer tipo de medicamento sem antes consultar um médico.

- Água

Estudos descobriram que as pessoas que bebem mais de seis copos de água por dia têm 50% menos chance de morrer de acidente vascular cerebral se comparado com aquelas que não o fazem. Isto provavelmente se deve ao fato de que o organismo bem hidratado mantém o sangue fluindo perfeitamente; A desidratação provoca um fluxo lento do sangue e aumenta o risco de formação de coágulos. A água é a ferramenta que o corpo necessita para melhorar o fluxo sanguíneo.




2 comentários

Adicione o seu
  1. Breno

    Rafael L. Parabéns pelo artigo!

    Muito Interessante e agrega muito valor.

    Meu Pai tem 74 Anos e já teve um AVC, imprimi a página e lemos juntos. Algumas das medidas ele não adotava, passa a adotar a partir de agora.

    Grande Abraço.


Postar um novo comentário