Diablo III não foi responsável por morte de jogador

Diablo III não foi responsável por morte de jogador

[social_share/]

Diablo III não foi responsável por morte de jogador

Durante a semana passada diversos websites noticiaram a morte de um jogador de 32 anos, de nome Russel Shirley, onde se destacava como causa da morte o fato do rapaz ter jogado Diablo III por 72 horas seguidas.

Parece que a notícia não é verdadeira, pelo menos em grande parte.

O website que lançou a notícia informa e pede desculpas aos seus leitores e também aos familiares de Russel Shirley por terem escrito uma notícia que levou como base informações de um blog, e que após a verificação mais profunda foi concluído que essas informações eram falsas.

O blog já foi fechado, e de acordo com novas informações Russel Shirley realmente faleceu, mas nunca esteve numa maratona de 72 horas do jogo Diablo III.

Em novas declarações feitas por amigos próximos (que também precisam ser confirmadas) destaca-se o fato de que o jogador já tinha problemas de saúde e não era viciado em Diablo III.

O website onde foi divulgada a notícia não revela também quais as razões da morte de Russel.

Se esta era uma notícia para tentar culpar e responsabilizar os videogames pela morte de um jogador, mais uma vez a tática não funcionou.

[social_share/]

 




1 comentário

Adicione o seu

Postar um novo comentário